21.9 C
Brasil
quarta-feira, maio 19, 2021

Adriane Galisteu revela bastidores e desafios do ‘Power Couple’: ‘Jamais penso em assumir o lugar do Gugu’

O público pediu e Adriane Galisteu se prepara para voltar em grande estilo à TV aberta neste domingo, 9. A apresentadora passa a comandar...

Fim do chute ‘folha-seca’? Nova bola promete trajetória 30% mais perfeita

Uma novidade tecnológica anunciada nesta segunda-feira passou um tanto despercebida do noticiário, mas pode provocar uma revolução nos próximos anos. A fabricante americana Nike lançou a bola de futebol que será usada a partir da próxima temporada nos campeonatos da Inglaterra e da Itália (e que deve chegar em 2021 aos gramados brasileiros). Batizada como Flight, o novo modelo chama a atenção pela série de ranhuras e depressões em sua superfície. É essa característica irregular que promete modificar a forma como a esfera viaja no ar após um chute potente.

A novíssima bola Nike Flight, que será usada a partir da próxima temporada na Inglaterra e ItáliaNike/Divulgação

A Nike Flight pode tornar obsoleto um tipo de batida na bola conhecido como “folha-seca” (ou no inglês “knuckleball”), que teria sido inventado pelo brasileiro Didi e aperfeiçoado por craques como Juninho Pernambucano e, mais recentemente, pelo português Cristiano Ronaldo. Após uma porção de goleiros traídos por chutes cuja trajetória mudava repentinamente, quase que por mágica, os cientistas decidiram se debruçar para entender porque tal fenômeno acontecia. E chegaram à conclusão que o design de cada bola alterava significativamente seu comportamento aerodinâmico.

A ciência passou a desvendar o mistério do chute “folha-seca” a partir de 2006, quando a fabricante alemã Adidas colocou no mercado um modelo revolucionário que estreou na Copa do Mundo de 2006. Batizada como Teamgeist, a bola oficial do Mundial da Alemanha trazia três novidades fundamentais: ela era composta por 14 painéis de tecido (e não mais 32, como nos modelos usados desde 1970), e que não seriam costurados, mas, sim, colados uns aos outros. Com menos emendas, a mudança na confecção tornou a superfície da bola mais lisa.

Eis que entra a física na jogada. Uma bola com menos imperfeições apresenta um comportamento mais errático quando chutada de forma “seca”, sem que a esfera gire em torno do próprio eixo. Ou seja, a fricção do ar com a superfície da bola provoca uma alteração de forças tamanha capaz de alterar sua trajetória. Em 2010, para a Copa realizada na África do Sul, a Adidas deu um passo além, lançando a famosa Jabulani, que era composta por apenas 8 “gomos”. Na época, VEJA trouxe uma reportagem que apresentou um estudo inédito feito por um pesquisador japonês e que colocou os dois modelos (Teamgeist e Jabulani) no túnel de vento.

A matéria de VEJA em 2010Reprodução/VEJA

A Jabulani foi duramente criticada pelos goleiros durante a Copa de 2010 – o arqueiro brasileiro Julio César chegou a compará-la como uma “bola de supermercado”. Pressionada, a Fifa decidiu abandonar o modelo de 8 gomos em suas competições e a Adidas voltou a produzir bolas de 32 painéis, cujos formatos e texturas variaram bastante nos últimos anos.

Para chegar ao presente modelo, a Nike diz ter testado 68 protótipos diferentes da Flight. Além disso, a empresa diz ter testado a novidade com cerca de 800 atletas profissionais. “Tudo o que fazemos no laboratório tem embasamento científico”, diz Kieran Ronan, um dos responsáveis pelo projeto. A tecnologia batizada como AerowSculpt, as ranhuras na superfície da bola, dão à Nike Flight 30% mais precisão de voo se comparada ao modelo anterior da empresa americana. Segundo o fabricante, a configuração dos gomos, 12 painéis com 40% menos costuras rígidas, também causa impacto sobre a trajetória da bola.

No detalhe, as rugosidades da Nike FlightNike/Divulgação
Continua após a publicidade

Latest Posts

Fintech que opera no Brasil desde outubro ganha aporte de R$ 210 milhões

A fintech australiana Stake acaba de receber um aporte de 210 milhões de reais para financiar seu processo de expansão global. A empresa, que desembarcou...

Diretor do ‘Power Couple’ revela qual casal protagonizou o ‘gemidão’ no reality; veja

Rodrigo Carelli, diretor do “Power Couple Brasil”, acabou com o mistério e revelou qual foi o casal que protagonizou momentos quentes dentro reality. A...

Facebook lança campanha contra exploração infantojuvenil

Em alinhamento com o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, neste 18 de maio, o Facebook e...

Plasfer: Sustentabilidade a partir da reciclagem

A Plasfer Healthcare Products & Solutions, uma empresa que ajuda diversos setores na reciclagem de seus produtos, diz que é por meio...

Ultimas Notícias

Caio se incomoda com vídeo exibido na final do ‘BBB 21’: ‘Estou muito chateado’

Quando Caio entrou no “BBB 21” e viu que Rodolffo era um dos participantes do grupo camarote, ele não escondeu que é um grande...

Fátima Bernardes chora ao falar de pandemia e Paulo Gustavo: ‘Mortes poderiam ser evitadas’

Fátima Bernardes começou o “Encontro” desta quarta-feira, 5, dizendo que era para ser um dia de festa, pois falaria da repercussão da final do...

Campeã do ‘BBB 21’, Juliette conta se já respondeu mensagem de Luan Santana

Assim como disse Tiago Leifert no seu discurso na grande final do “BBB 21”, Juliette pode ter sido perseguida e excluída na casa mais...

Salão do Automóvel: a importância da tradição e suas sedes

Fernando Siqueira Carvalho, grande entusiasta do setor automobilístico, diz que todos os anos, em várias cidades do mundo, acontecem os salões de...

‘B.O. favorito’, melhor casal e melhor feat: Veja as categorias do prêmio ‘BBB 21’

O Big Brother Brasil 2021 acabou nesta terça-feira, 4, com Juliette campeã com 90,15% dos votos. Mas ainda tem algumas emoções para os fãs....