De acordo com o jornal O Globo, fotos da prova do Enem deste domingo (10) começaram a circular em grupos de professores por aplicativos de mensagens às 16h30. O exame ainda estava sendo aplicado e, oficialmente, os candidatos só poderiam deixar os locais de prova com o caderno de questões a partir das 18h. O ministro da Educação, Abraham Weintraub, minimizou a denúncia de vazamento e disse que a divulgação antes do prazo não comprometeu o exame.

Era o dia das matérias de exatas e biológicas. Terror para muita gente. No Brasil inteiro quase quatro milhões de inscritos fizeram a primeira fase e voltaram aos locais de prova hoje. Segundo o Inep, o instituto responsável, dados parciais mostram que pelo menos 371 pessoas foram eliminadas no segundo dia do Enem.

Os professores que corrigem as provas para o G1, o portal de notícias da Globo, comentaram as provas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *